Vereador que mandou ‘nudes’ do banheiro da Câmara perde mandato

0

A Câmara de Guapiara (SP) decidiu cassar por unanimidade o mandato do vereador João Egidio Mendonça Teixeira (PSD) durante sessão extraordinária, na noite da última quarta-feira (17).

João Egidio é investigado desde 14 de outubro do ano passado por uma Comissão Processante (CP) por enviar fotos com conteúdo pornográfico do banheiro da Câmara Municipal para duas mulheres durante o expediente.

No início do mês, os laudos das perícias feitas nas fotos confirmaram que as imagens não eram montagens e que foram tiradas na Câmara. Com isso, a Comissão enviou um relatório ao plenário apontando irregularidades na atitude do parlamentar.

Para a cassação do mandato de João Egidio eram necessários pelo menos oito votos dos 11 vereadores da cidade, o que representa dois terços dos parlamentares.

A votação terminou após cinquenta minutos de sessão com dez vereadores votando a favor da cassação. O suplente de Mendonça, Jamir Gomes, não participou da votação.

Segundo o presidente da Câmara, Alexandre Martins de Oliveira (PP), o suplente deve tomar posse ainda esta semana.

O vereador cassado poderá recorrer à decisão na Justiça.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA